Atraso no corte do cordão umbilical previne problemas na infância
1 de agosto de 2015
Intervenções médicas e rotina hospitalar na atenção ao parto
20 de agosto de 2015

Aromaterapia é uma terapia natural complementar que utiliza os óleos essenciais puros, obtidos de plantas aromáticas para prevenção e tratamento de desequilíbrios físicos, emocionais, mentais e energéticos. As métodos de aplicação da aromaterapia podem ser realizados via olfativa, como a difusão, inalação ou vaporização  ou via cutânea, por meio de massagens, banhos, escalda-pés, compressas e unguentos.

 

Os óleos essenciais são substâncias voláteis e altamente concentradas com diversas indicações terapêuticas. Cada óleo essencial possui diferentes propriedades de acordo com suas substâncias químicas e apresentam ação anti-séptica, analgésica, expectorante, relaxante, estimulante, entre outras características.

As moléculas dos óleos essenciais são assimiladas pelo organismo e atuam sobretudo no sistema límbico (área cerebral onde se processam informações de olfato e também onde registram-se as emoções). Este sistema está relacionado intimamente ao hipotálamo, região central do cérebro que coordena, através dos hormônios, estímulos à todo o organismo.

A confiança na sabedoria da natureza, uma verdadeira e eficaz farmácia natural, é o fundamento básico da Aromaterapia, cujo valor preventivo e terapêutico tem sido demostrado ao longo da história e que, nos dias de hoje, também é possível comprovar cientificamente –  o uso dos óleos essenciais ainda seja modestatenha aumentado exponencialmente nos últimos anos.

Deixe uma resposta

https://www.netkart.org Στοίχημα paykasa